Tapera.Net - blog@tapera.net
quarta-feira, 18 de dezembro de 2013
Som alto terá equipamento apreendido e destruído em Passo Fundo

A “Operação Você quer Sossego?” começou em outubro deste ano em Passo Fundo. É uma ação conjunta da secretaria do Meio Ambiente, o Ministério Público e a Patrulha Ambiental que vem tentando impor mais rigor nas fiscalizações, tendo como principal objetivo cumprir a Lei do Silêncio, que estabelece multas para os estabelecimentos e veículos que provocarem poluição sonora no município. 

Apesar desta iniciativa, muitos pagavam a multa e logo depois reincidiam no crime. O promotor de Justiça, Paulo Cirne, registra que, quando um veículo era flagrado com som elevado, o equipamento era apreendido. Mas se a pessoa não tivesse antecedente, fazia um acordo, pagava multa, que variava entre R$ 1000 e R$ 1500 reais e o som era devolvido. Por isso, o Ministério Público vinha cobrando da prefeitura que fosse feita a responsabilização administrativa da questão, já que pela lei criminal  não havia essa opção. 

Então, a partir de agora, o município impôs essa sanção, em forma de pena: o recolhimento e a perda imediata do bem. Isso significa que nas próximas blitz realizadas na cidade, os sons serão recolhidos e, posteriormente, destruídos. As denúncias de abusos sonoros em Passo Fundo podem ser feitas na Secretaria Municipal do Meio-Ambiente, pelo telefone: (54) 3311-5494.

O exemplo merece ser seguido em Tapera, pois o som alto incomoda a população. É igrejas, carros de propaganda, veículos com som acima do permitido - todos unidos em um verdadeiro desrespeito a lei, ao bom senso e a comunidade.



Postado por WM Internet as 17:35 e tem 21 comentarios
21 Comments:
Anonymous Anônimo disse...

Ao invés de se preocuparem em prender som q tal se preocuparem um pouco mais em prender bandidos?????

18 de dezembro de 2013 17:43  
Anonymous Anônimo disse...

EEE POR QUE EM TAPERA NÃO TEM UM LUGAR PRÓPRIO PARA COLOCAR SOM E PARA OS JOVENS SE DIVERTIREM?????????

18 de dezembro de 2013 19:42  
Anonymous Anônimo disse...

Tomara que chegue até aqui também. Em Frederico Westfalen já tiram faz tempos. Dê-lhe decibelímetro . Passou do limite permitido, é arrancado na hora, principalmente perto de hospitais. Quanto a prender bandidos, é difícil com um som tão alto.

18 de dezembro de 2013 21:03  
Anonymous Anônimo disse...

Quer silencio vai morar em Frederico Westfalen ou talvez em Lagoa dos tres cantos ou Alto alegre!!!!!!!!!!!

18 de dezembro de 2013 21:30  
Anonymous Anônimo disse...

Quer descumprir lei vai morar na papuda!!!!!

18 de dezembro de 2013 22:03  
Anonymous Anônimo disse...

Uma coisa que até admito é funk nas favelas do Rio de janeiro, mas tenho escutado uns imbecis escutando a mil em carros no Rio Grande do Sul(Tapera inclusive), isso é inadmissível. A cultura do RS é riquíssima, não precisa desse tipo de idiotice.

19 de dezembro de 2013 00:58  
Anonymous Anônimo disse...

Verdade. Escutar funk com o som a mil pelas ruas é passar atestado de imbecilidade a si mesmo. Não tem letra nem ritmo, com um som horroroso.

19 de dezembro de 2013 08:44  
Anonymous Anônimo disse...

tem que arrancar sim a exemplo de Panambi que também já faz isso...sem falar em carros rebaixados e bebedeira e direção...quer escutar som alto use fone de ouvidos com todo volume e divirta-se...ninguem é obrigado aturar essa baboseiras que alguns imbecis insistem em tocar nos seus veículos

19 de dezembro de 2013 10:20  
Anonymous Anônimo disse...

tem que proibir aqui em tapera tb, ninguém é obrigado a aturar esses acéfalo surdos que não respeitam ninguém

19 de dezembro de 2013 13:45  
Anonymous Anônimo disse...

que ouvir o xuxuxuxerexexe, tem que usar fone de ouvido e estourar os próprios tímpanos!!

19 de dezembro de 2013 20:04  
Anonymous Anônimo disse...

Muitas pessoas querem que o Estado Babá, que os salve através de uma série de leis draconianas. Se o som viola a minha propriedade privada, quando um usuário de veículo desfruta da propriedade privada dele, a solução, seria eu colocar um aviso contra som, e se existir problemas, o transgressor pagar para a compensação pelo meu incomodo, isso se a rua fosse privada. Mas como a rua é pública, o melhor que poderia ocorrer, é, o dinheiro da multa ir para os moradores, e não para a prefeitura.
Uma penalidade de R$ 50 para cada dono de imóvel afetado, já seria bem convincente, ou ainda, uma penalidade de R$ 500 a ser paga para a associação de moradores daquele bairro, pelo transtorno causado, seriam ótimos corretivos.
As provas do crime seriam vídeos feitos pelos morados.
Os donos de veículos, por sua vez, deveriam de criar uma associação, e arrecadar fundos para a criação de um local de azaração. A criação deste local, poderia ser subsidiada por uma empresa de venda de bebidas, por exemplo, que instalaria um bar lá, e teria exclusividade na venda de produtos diversos. O local poderia evoluir para uma casa noturna, com shows e tudo mais, ou mesmo em um Drive In.

21 de dezembro de 2013 01:23  
Anonymous Anônimo disse...

Bla... bla... bla........

21 de dezembro de 2013 12:08  
Anonymous Anônimo disse...

eu me surpreendo cada vez mais com a capacidade das pessoas sonharem acordadas.......

21 de dezembro de 2013 12:33  
Anonymous Anônimo disse...

Absurdo total essa legislação. Pior é ter um Agente do Ministério Público a favor dessa ilegalidade. Vamos chamar a Patrulha ambiental e a Prefeitura toda a vez que um carro de som perturbar nosso sossego, como acontece todos os dias em nossa cidade. A partir de hoje vou fazer isso, pois esses carros de som sim incomodam quem está trabalhando com aquela barulheira que ninguém entende o que estão dizendo. Vou começar a ser vítima de perturbação desse pessoal, dai quero ver como é que vai ficar a destruição dos equipamentos. Vão prender bandido e traficante e deixar o povo se divertir, pois se sentir perturbado é muito subjetivo, pode-se se sentir por qualquer volume, e dai jose?........esperem coisa vai ficar preta, mais ainda...

21 de dezembro de 2013 21:26  
Anonymous Anônimo disse...

Essas cidades estão cheias de velhos q não respeitam o gosto dos jovens de hj querem q começam a roubar ??? a se drogar ???? se incomodam com barulho vão morar pro interior q ai sim vão fazer o q gostam jovem tbm tem q fazer o q gosta e tbm tem q respeitar q idosos gostam de coisas antigas vamos começar a se respeitar e dar espaço para os mais novos q tbm querem fazer algo q gostam. . .

22 de dezembro de 2013 12:06  
Anonymous Anônimo disse...

nao sou velho, e tb me sinto incomodado com esses sons bestas pela cidade, principalmente aos domingos, querem se divertir, e ouvir som alto de musicas idiotas, vão vcs pro meio do mato, lá vcs podem se fazer de surdos e idiotas sem incomodar ninguém, nem velhos, nem doentes no hospital, nem casais com filhos que passeiam na praça, e nem pessoas normais como eu

23 de dezembro de 2013 14:44  
Anonymous Anônimo disse...

Meu filho tem carro do ano comprado com seu trabalho, não sai pela rua rua feito alucinado com sons a todo volume, e nem por isso rouba, muito menos se droga, pois tem noção das coisas e respeito por outras pessoas, tenho certeza que quem está agindo de forma adoidada, não foi esta educação que recebeu dos pais

23 de dezembro de 2013 18:43  
Anonymous Anônimo disse...

Prontooo, agora toda pessoa q tem som é drogada e rouba, conforme esse comentario acima!!! nanana é o fim... aa e q exemplo d filho só pq tem carro do ano

24 de dezembro de 2013 12:23  
Anonymous Anônimo disse...

A destruição do som automotivo e residencial em Passo Fundo é consequencia da Lei de Crimes Ambientais

7 de janeiro de 2014 04:58  
Anonymous Anônimo disse...

Acho um abuso alguém destruir o som que eu comprei e paguei, os bandidos roubam, são presos, saem e não destroem nada, lei abusiva!

13 de fevereiro de 2014 14:38  
Anonymous Anônimo disse...

Aqui em Caxias do Sul estamos com o mesmo problema e até agora nem um apoio de nem uma autoridade. Já encaminhamos abaixo assinados, pedimos ajuda de todo jeito já fazem 2 anos até agora nada. Estamos vivendo uma inversão de valores onde o errado passou a ser o certo. É uma questão de falta de respeito e falta de limites, e não de ser velho o fato de não suportar este pancadão este eletro funk a que somos obrigados a ouvir, pois muitos e muitos jovens daqui também se irritam demais com o som, garrafas quebradas e lixo de toda espécie que esta galera deixa na via pública, sem contar com todo tipo de droga que rola solta. Só louco das idéias pra concordar com ESTA DEGRADAÇÃO a que o jovem está se submetendo.

17 de fevereiro de 2014 19:20  

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários com palavrões e acusações pessoais. Por favor colaborem.

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos




 
Google
 

 




 

Últimos Posts

2014 será um ano de feriados?
Vem aí o Garota Verão 2014
Controladores de velocidade de Espumoso voltam a m...
Por que se permite isso?
Prefeitura usa versão de Lady Gaga para convencer ...
Nova empresa se instalará em Tapera
Incêndio de grandes proporções destrói hotel Boa V...
O discurso e a prática
O que esperar do Tholl
Caminhada Luminosa - Imagens

Arquivos

Julho 2012 Agosto 2012 Setembro 2012 Outubro 2012 Dezembro 2012 Fevereiro 2013 Abril 2013 Maio 2013 Junho 2013 Julho 2013 Agosto 2013 Setembro 2013 Outubro 2013 Novembro 2013 Dezembro 2013 Janeiro 2014 Fevereiro 2014 Março 2014 Abril 2014 Maio 2014 Junho 2014 Julho 2014 Agosto 2014 Setembro 2014 Outubro 2014 Novembro 2014 Dezembro 2014 Janeiro 2015 Fevereiro 2015 Março 2015 Abril 2015 Maio 2015 Junho 2015 Julho 2015 Agosto 2015 Setembro 2015 Outubro 2015 Novembro 2015 Dezembro 2015 Janeiro 2016 Fevereiro 2016 Março 2016 Abril 2016 Maio 2016 Junho 2016 Julho 2016 Agosto 2016 Setembro 2016 Outubro 2016 Novembro 2016 Dezembro 2016 Janeiro 2017 Fevereiro 2017 Março 2017 Abril 2017 Maio 2017 Junho 2017 Julho 2017 Agosto 2017 Setembro 2017

 

 


WM INTERNET
Blog Home V?o Pol?ca Cidade Pol?a Eventos Obitu?o