Tapera.Net - blog@tapera.net
sexta-feira, 31 de março de 2017
Ibirubá Florestal - Mares e oceanos são responsáveis pela produção de 90% do oxigênio do planeta

Representando quase 97,5% do total de água existente, oceanos formam ambiente propício para a existência de 29% da biodiversidade da Terra, Embora não sejam potáveis, ou seja, próprias para o consumo de seres terrestres, as águas salgadas dos mares e dos oceanos são imprescindíveis para a existência de vida na Terra. Representando quase 97,5% do total de água existente, os oceanos formam ambiente propício para a produção de 90% do oxigênio, além de ser habitat de mais de 29% da biodiversidade do planeta Além de fonte de alimentos, as águas salgadas agrupam milhares de organismos que capturam o carbono e lançam oxigênio na atmosfera, por meio da fotossíntese. Esse fenômeno influi diretamente na diminuição do efeito estufa, o que interfere diretamente na temperatura da atmosfera.

As águas salgadas também são morada para milhares de seres que formam rede imprescindível para o planeta. O Censo da Vida Marinha, realizado entre 2000 e 2010, estimou que os mares e os oceanos concentrem 2,5 milhões de espécies (as terrestres somam 6,5 milhões). “O mar conta com uma biodiversidade fantástica. Ele é responsável pelo equilíbrio térmico, hídrico e biológico para a sobrevivência da humanidade. Milhares de espécies podem desaparecer em decorrência da forma desordenada de ocupação do ser humano”, afirma o coordenador do Centro Nacional de Pesquisa de Conservação das Tartarugas Marinhas (Projeto Tamar) do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), João Carlos Alciati. O Brasil conta atualmente com cinco centros de pesquisa de biodiversidade do ICMBio, que atuam no segmento da conservação da vida marinha. “Estes institutos realizam ações para preservar a existência desses animais, assim como para combater os impactos causados pelas atividades humanas em seus habitats”, destaca. O projeto Tamar, por exemplo, trata da conservação das tartarugas. Mas as ações executadas pela instituição também impactam no ciclo de outros tipos de vida marinha. “As tartarugas são denominadas espécies bandeira. Isso quer dizer que, ao implantar uma área de conservação para elas, outras espécies também são beneficiadas, pois ambas dividem o mesmo espaço”, explicou o especialista.

Leia matéria completa no site Ibirubá Florestal



Postado por WM Internet as 23:23 e tem 0 comentarios
0 Comments:

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários com palavrões e acusações pessoais. Por favor colaborem.

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos




 
Google
 

 




 

Últimos Posts

Polícia Civil de Tapera realiza grande operação co...
Fora pedágios! BR-386 poderá ficar de fora da conc...
Quinto do Ouro - Operação da Lava Jato carioca pre...
Mais quebra molas?
Governo antecipa campanha nacional de vacinação co...
Ibirubá Florestal - Águas residuais são foco do Di...
Réus da Kiss irão a julgamento popular
Toca do Coelho - A magia da Páscoa está no ar
Ibirubá Florestal - 2016 foi o ano mais quente já ...
Boas notícias para Tapera

Arquivos

Julho 2012 Agosto 2012 Setembro 2012 Outubro 2012 Dezembro 2012 Fevereiro 2013 Abril 2013 Maio 2013 Junho 2013 Julho 2013 Agosto 2013 Setembro 2013 Outubro 2013 Novembro 2013 Dezembro 2013 Janeiro 2014 Fevereiro 2014 Março 2014 Abril 2014 Maio 2014 Junho 2014 Julho 2014 Agosto 2014 Setembro 2014 Outubro 2014 Novembro 2014 Dezembro 2014 Janeiro 2015 Fevereiro 2015 Março 2015 Abril 2015 Maio 2015 Junho 2015 Julho 2015 Agosto 2015 Setembro 2015 Outubro 2015 Novembro 2015 Dezembro 2015 Janeiro 2016 Fevereiro 2016 Março 2016 Abril 2016 Maio 2016 Junho 2016 Julho 2016 Agosto 2016 Setembro 2016 Outubro 2016 Novembro 2016 Dezembro 2016 Janeiro 2017 Fevereiro 2017 Março 2017 Abril 2017 Maio 2017 Junho 2017 Julho 2017 Agosto 2017 Setembro 2017 Outubro 2017 Novembro 2017 Dezembro 2017

 

 


WM INTERNET
Blog Home V?o Pol?ca Cidade Pol?a Eventos Obitu?o