Tapera.Net - blog@tapera.net
segunda-feira, 4 de novembro de 2019
Raios - o que fazer para se proteger

Recentemente (27/10/19), a queda de um raio deixou 14 pessoas feridas e um homem morto no Rio Grande do Sul. A tragédia aconteceu durante uma partida de futebol em Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Naquele momento, segundo testemunhas, ainda chovia fraco e não havia ocorrido nenhuma descarga elétrica, embora houvesse previsão de temporal. 

Como se proteger nesses casos? 

 De acordo com orientações da Rede Integrada Nacional de Detecção de Descargas Atmosféricas (Rindat), sempre que uma tempestade se aproxima, o melhor é evitar sair à rua. Mesmo raios de baixa intensidade podem causar ferimentos ou mortes em caso de incidência direta. Se não for possível permanecer abrigado, a Rindat elenca alternativas em seu site  e aponta os locais mais perigosos para se estar – entre eles, campos de futebol. 

É importante, conforme o meteorologista Paulo Plana Junior, da Somar, fugir de áreas abertas, ficar longe de corpos d'água (piscinas, rios, açudes, praia, etc.) e buscar abrigo, ainda que o temporal esteja apenas começando. — Muitas vezes, as pessoas correm para debaixo de árvores achando ficarão mais seguras, mas isso é um erro. A decisão mais correta é entrar em um lugar protegido, coberto, como uma casa, um prédio. No caso do jogo de futebol, vale ir para o vestiário, por exemplo.

Veja os principais cuidados indicados pela Rindat:

Se possível, não saia para a rua ou não permaneça na rua durante tempestades, a não ser que seja absolutamente necessário. Nestes casos, procure abrigo nos seguintes lugares: carros não conversíveis, ônibus ou outros veículos metálicos não conversíveis; em moradias ou prédios, de preferência que possuam proteção contra raios; em abrigos subterrâneos, tais como metrôs ou túneis; em grandes construções com estruturas metálicas; em barcos ou navios metálicos fechados; e finalmente em desfiladeiros ou vales. Se estiver dentro de casa, evite: usar telefone, a não ser que seja sem fio; ficar próximo de tomadas e canos, janelas e portas metálicas; tocar em qualquer equipamento elétrico ligado a rede elétrica. Se estiver na rua, evite: segurar objetos metálicos longos, tais como varas de pesca, tripés e tacos de golfe; empinar pipas e aeromodelos com fio; andar a cavalo; nadar; e ficar em grupos.

Se possível, evite os seguintes lugares que possam oferecer pouca ou nenhuma proteção contra raios: pequenas construções não protegidas, tais como celeiros, tendas ou barracos; veículos sem capota, tais como tratores, motocicletas ou bicicletas; estacionar próximo à árvores ou linhas de energia elétrica.

Se possível, evite também certos locais que são extremamente perigosos durante uma tempestade, tais como: topos de morros ou cordilheiras; topos de prédios; áreas abertas, campos de futebol ou golfe; estacionamentos abertos e quadras de tênis; proximidade de cercas de arame, varais metálicos, linhas aéreas, trilhos e árvores isoladas; estruturas altas, tais como torres, linhas telefônicas e linhas de energia elétrica

Se você estiver em um local sem um abrigo próximo e sentir seus pêlos arrepiados ou sua pele coçar, indicando que um raio esta prestes a cair, ajoelhe-se e curve-se para a frente, colocando suas mãos nos joelhos e sua cabeça entre eles. Não deite-se no chão.

Um aterramento correto é muito importante

Para uma eficiente atuação dos varistores, é necessário que o sistema de aterramento da unidade consumidora também seja eficiente. Você deve verificar com atenção o seu sistema de aterramento antes de instalar o varistor. No caso de aterramento mal feito, ou de uma grande sobrecarga na rede elétrica, este dispositivo pode não funcionar perfeitamente. A vida útil dos varistores depende do número de vezes que ele operou e da intensidade das correntes conduzidas. Portanto, será necessário trocá-lo anualmente.

ATENÇÃO: É recomendado o uso desse pára-raio de baixa tensão, mas a garantia do dispositivo é dada pelo seu fabricante.



sempre que uma tempestade se aproxima, o melhor é evitar sair à rua
Sempre que uma tempestade se aproxima o melhor é evitar sair à rua
(Foto: )

*Por Juliana Bublitz

Postado por WM Internet as 12:22 e tem 0 comentarios
0 Comments:

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários com palavrões e acusações pessoais. Por favor colaborem.

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos




 
Google
 

 




 

Últimos Posts

IPVA 2020: governo do RS acaba com pagamento parce...
Coleta de lixo eletrônico
Instituto Imaculada de Tapera conquista título do ...
Obituário: Olivia Galvagni
Juiz de Ibirubá se declara impedido por se endivid...
Petróleo cru encontrado nas praia nordestinas é de...
Mãe do prefeito de Não-Me-Toque morre após saber d...
Ladrões assaltam bazar e amedrontam moradores em S...
Novas Conselheiras Tutelares são Diplomadas
Feriados prolongados vão dobrar em 2020 e chegarão...

Arquivos

Julho 2012 Agosto 2012 Setembro 2012 Outubro 2012 Dezembro 2012 Fevereiro 2013 Abril 2013 Maio 2013 Junho 2013 Julho 2013 Agosto 2013 Setembro 2013 Outubro 2013 Novembro 2013 Dezembro 2013 Janeiro 2014 Fevereiro 2014 Março 2014 Abril 2014 Maio 2014 Junho 2014 Julho 2014 Agosto 2014 Setembro 2014 Outubro 2014 Novembro 2014 Dezembro 2014 Janeiro 2015 Fevereiro 2015 Março 2015 Abril 2015 Maio 2015 Junho 2015 Julho 2015 Agosto 2015 Setembro 2015 Outubro 2015 Novembro 2015 Dezembro 2015 Janeiro 2016 Fevereiro 2016 Março 2016 Abril 2016 Maio 2016 Junho 2016 Julho 2016 Agosto 2016 Setembro 2016 Outubro 2016 Novembro 2016 Dezembro 2016 Janeiro 2017 Fevereiro 2017 Março 2017 Abril 2017 Maio 2017 Junho 2017 Julho 2017 Agosto 2017 Setembro 2017 Outubro 2017 Novembro 2017 Dezembro 2017 Janeiro 2018 Fevereiro 2018 Março 2018 Abril 2018 Maio 2018 Junho 2018 Julho 2018 Agosto 2018 Setembro 2018 Outubro 2018 Novembro 2018 Dezembro 2018 Janeiro 2019 Fevereiro 2019 Março 2019 Abril 2019 Maio 2019 Junho 2019 Julho 2019 Agosto 2019 Setembro 2019 Outubro 2019 Novembro 2019

 

 


WM INTERNET
Blog Home V?o Pol?ca Cidade Pol?a Eventos Obitu?o